• Casa Nova
  • Prêmio Boas Práticas

Notícias

17/05/2019 16:25

CEA promove palestra sobre comunicação não violenta

O Centro de Estudos e Aperfeiçoamento da Procuradoria Geral do Estado da Bahia promoveu, na manhã desta sexta-feira (17), mais uma edição do projeto Palestra de Efeito. A explanação de hoje teve como tema ‘Comunicação Não Violenta’ e foi realizada pela educadora e gestora de conflitos Thayna Meirelles.

A palestrante explicou que a comunicação não violenta se baseia no que é importante para todos e não no que é certo ou errado. Thayna Meirelles destacou que a comunicação não violenta precisa ser aprendida, internalizada e, acima de tudo, praticada. “Comunicação não violenta é sobre mudança de paradigma. É uma escolha, não só um método”, afirmou.

Falou também sobre a importância de se livrar dos julgamentos na comunicação. Ouvir e se ater somente aos fatos.  “Comunicação não violenta tem a ver com escutar o outro sem julgamentos. Escutar sem dizer às pessoas o que elas devem fazer”, refletiu.

A educadora esclareceu ainda que as necessidades são universais e, em geral , podem ser compartilhadas. A estratégia, por sua vez, é forma como cada um age para atender sua necessidade.

Sobre os benefícios da comunicação não violenta, Thayna Meirelles afirmou que ajuda a construir confiança, por meio da empatia e da vulnerabilidade, envolve mudança de foco dos erros para aquilo é importante para todos, aumenta a disposição das pessoas para cooperar e apoiar uns aos outros, além de apoiar a resolução dos conflitos cuidando dos relacionamentos.

A palestra foi transmitida em tempo real através da Escola Virtual da PGE e integra o programa de Formação e Aperfeiçoamento Continuado (PFAC) do CEA e o Plano de Formação dos Estágios de Graduação e Pós-graduação em Direito (PFOED) da PGE.

Fonte: ASCOM/PGE

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.